Loja Virtual
vendopredio.com.br

Selecione a categoria desejada

Acesse o Blog da Migmix

Criamos um canal exclusivo para que possa saber mais sobre impressão digital e ideias criativas de vários setores da comunicação visual. Aproveite e tire suas dúvidas. Saiba como corrigir os principais problemas que acontecem na impressão digital e tenha um serviço de qualidade.

Horário de Funcionamento

Siga a Migmix no Facebook

Diferenças entre CMYK, RGB e Pantone.

Diferenças entre CMYK, RGB e Pantone.

Postada em Dicas de impressão digital no dia 19/2/2013

Alguns termos usados na área de impressão digital geram muitas dúvidas. Talvez tenha se deparado com as siglas RGB, CMYK ou Pantone e não soube identificar qual desses padrões é o ideal para a impressão do seu projeto. Ou então sua impressão não tenha ficado com o resultado que esperava.

Vamos esclarecer suas dúvidas e identificar o padrão ideal para impressão do seu projeto e entender a diferença de cor entre a tela e a impressão.

O que é RGB?

RGB é a sigla para Red (vermelho), Green (verde) e Blue (azul). Esse padrão de cores é chamado de síntese aditiva, ou seja, quando misturados, a composição cromática resulta em branco (luz). As cores RGB são utilizadas em monitores, projetores, TVs, câmeras digitais, etc. e é comum ser utilizado na impressão de arquivos simples, como um trabalho acadêmico por exemplo.

O que é CMYK?

CMYK é a sigla para Cyan (ciano), Magenta (magenta), Yellow (amarelo) e Black (preto). Este padrão é chamado de síntese subtrativa. A mistura de azul, magenta e amarelo pode resultar em preto ou em uma variedade de tons coloridos, por isso, este modo é escolhido para impressão de materiais gráficos e impressões digitais. 

O que é Pantone?

PANTONE é uma tabela de cores primárias criada pela empresa Pantone Inc. com numeração específica que serve de referência para identificar a tonalidade de cor exata (100%) evitando variações de cores na impressão. Um bom exemplo é manter a impressão em todos os tipos de mídia de um vermelho especial que faz parte da identidade visual de uma empresa. O sistema Pantone é baseado em uma mistura específica de pigmentos para se criar novas cores e também permite que cores especiais sejam impressas, tais como as cores metálicas (cromadas) dourado, prata e as fluorescentes.

Agora que você já sabe o que são os padrões de cores RGB, CMYK, Pantone e suas utilizações, fica mais fácil entender a diferença entre o monitor e a impressão.

A cor exibida no monitor pode não ser a mesma depois de impressa por diversos fatores: calibragem do monitor, luz do ambiente, qualidade da tinta, tipo de mídia usado (adesivo, lona, pvc) entre outros. O monitor sempre emitirá cores RGB. Portanto, todas as cores vistas serão formadas a partir do vermelho, verde e azul. Para imprimir seu projeto, o padrão de cor utilizado é o CMYK, ou seja:  a cor que antes era criada a partir do vermelho, verde e azul, será reproduzida a partir do ciano, magenta, amarelo e preto que com certeza terá variação na impressão.

Para evitar este contratempo e insatisfação guarde uma peça impressa de cada material para servir de referência para impressões futuras. E, se necessário, solicite uma amostra impressa (prova de cores) para uma melhor visualização das cores antes de autorizar a impressão final. 

Atentar-se a esses detalhes podem garantir uma impressão fiel.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Faça um comentário. Iremos enriquecer ainda mais nossos conteúdos.

  • Diferenças entre CMYK, RGB e Pantone.